sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Amar é cuidar

Tolerância:
 É fundamental ser tolerante e
 aceitar os defeitos do outro, sua irritabilidade,
 seu cansaço, seus esquecimentos,
 seus pontos de vistas às vezes arbitrários.
Compartilhar maus momentos:
 Se eu tenho maus momentos e você me ajuda
 a superá-los, isso me alivia,
 permite que eu me refaça,
 e recupere as energias para continuar.
Senso de humor:
 Na relação a dois, só o amor não basta;
 uma dose de senso de humor é importante.
Conversar sobre as coisas do dia:
 Falar sobre o trabalho, a política,
 os acontecimentos diários,
 faz parte de um bom relacionamento;
é fundamental aquela meia hora
 em que sentamos juntos e conversamos.
Os amigos são indispensáveis:
 Os homens precisam de amigos
 para tomar uma cerveja,
 para assistir um jogo no domingo,
 para reafirmar o companheirismo.
 As mulheres precisam de amigas
 para falarem de crianças, moda,
 relações familiares, das crises afetivas.
Ter alguma atividade extra:
 Todo mundo deveria ter um "algo mais" na vida.
  Um trabalho comunitário, praticar algum esporte,
 aprender algo que dê prazer.
Sexo:
 Conversar sobre sexo,
 deixar o corpo falar, se expressar,
 transformar sentimento em movimento,
 permitir que o corpo fale mais alto.
Cuidar:
 Amar é cuidar.
Maria Helena Matarazzo
Meus amigos(as) desejo a todos uma ótima Noite de muita Paz.
Abraços a todos
Claudio Pacheco

2 comentários:

  1. Amigo Claudio, amar é tudo isso mesmo e mais uma boa dose de paciência, sem isso, sem amor. Sem compreensão de ambas as partes perde-se o suporte e o amor despenca como uma prateleira quebrada e se finda.
    Belo texto meu amigo!
    Um forte abraço!!!

    ResponderExcluir
  2. Aurelio e ponha paciência nisso e, nas duas partes.
    Belo Comentário meu amigo
    Abs: Claudio Pacheco

    ResponderExcluir