quinta-feira, 30 de agosto de 2012

AFIRMAÇÕES PARA O PERDÃO

Meu coração se abre para o perdão. Através do perdão alcanço o amor.

Hoje presto atenção nos meus sentimentos e cuido de mim amorosamente. Sei que todos os meus sentimentos são meus amigos.

O passado ficou para trás, não tem nenhum poder agora. Os pensamentos deste momento criam o meu futuro.

Não quero ser uma vítima. Eu me recuso a sentir desamparo. Afirmo meu próprio poder.

Eu me concedo o dom de estar livre do passado e me volto com alegria para o presente.

Eu obtenho a ajuda de que preciso, de diversas fontes. Meu sistema de apoio é: forte e afetuoso.

Não existe problema grande ou pequeno que não possa ser resolvido com amor.

À medida que mudo meus pensamentos, o mundo à minha volta também muda.

Estou pronto para ser curado. Estou disposto a perdoar. Tudo está bem.

Quando cometo um erro, eu me dou conta de que isso faz parte do meu processo de aprendizado.

Perdôo as pessoas do meu passado por todos os seus erros. Eu as libero com amor.

Todas as mudanças que ocorrerem em minha vida são positivas. Sinto segurança.

Por meio do perdão chego à compreensão e sinto compaixão por todos.

Cada dia é uma nova oportunidade. O ontem já passou. Hoje é o primeiro dia do meu futuro.

Padrões antigos e negativos não me limitam mais. Eu me desapego deles facilmente.

Sei perdoar, sou amoroso, bom e gentil, e sei que a vida me ama.

Ao me perdoar, fica mais fácil perdoar os outros.

Amo e aceito os membros da minha família tal como são neste exato momento.

Sei perdoar, sou amoroso, bom e gentil, e sei que a vida me ama.
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Aprenda a aceitar construtivamente o bem ou o mal

A aceitação é uma via de duas mãos, pois existe a aceitação do indivíduo consigo mesmo e também com os demais. Aceitação não significa que concordamos com o comportamento ou com as faltas da outra pessoa; significa simplesmente aceitá-la da maneira que ela é. "Seja corajoso - e forças poderosas virão em seu auxílio, já que a verdadeira origem da descoberta consiste não em procurar novas paisagens, mas em ter novos olhos." Marcel Proust "As pessoas que alcançam seu potencial pensam em aperfeiçoamento."
John Maxwell
 Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Eu sou o senhor de meus pensamentos.

Eu sou o ímã mais poderoso do universo.

Eu tenho a força magnética mais poderosa do que qualquer coisa neste mundo, emitida por meus pensamentos.

A lei da atração reage em meus pensamentos, projetos, objetivos, sonhos e pensamentos.

Meus pensamentos positivos transformam-se em coisas.

Meus pensamentos enviam sinais magnéticos que atraem esse paralelo a mim.

Eu sou a mais poderosa torre de transmissão magnética do universo.

Eu emito uma freqüência de energia que vai além de cidades, países, planetas, galáxia, etc.

Eu mudo agora o canal e a freqüência de energia antiga de meus pensamentos para vibrações novas, sutis e poderosíssimas.

Eu vivo muito bem.

Eu vivo em abundância e prosperidade.

Eu sou incrivelmente poderoso(a) por ser capaz de criar minha vida pelo ato de pensar e permitir.

Eu me permito me reavaliar, pensar sobre o que quero e fazer novas escolhas de vida de forma segura, tranqüila e equilibrada, me alinhando com o universo.

Eu substituo meus pensamentos anteriores por bons pensamentos.

Eu domino minha mente, acalmando-a.

Eu acalmo minha mente, controlo e comando minha energia e pensamentos, revitalizando minha freqüência e corpo.

Eu sou o senhor de meus pensamentos.

Eu recebo o conhecimento que me capacitará a criar a versão mais magnífica do meu ser.

Quero expandir minhas capacidades de imaginar e tranqüilizar minha mente e coração.

Quero clareza e especificidade ao meu desejo.

Quero aumentar o fluxo de dinheiro nas minhas experiências.

Quero aumentar o fluxo de abundância em relação a várias coisas e áreas da minha vida.

Eu atraio a energia com o poder do meu desejo e a moldo com o poder da minha imaginação.

Quero aumentar dia-a-dia minha vibração.

Quero ter consciência da verdade e do meu eu interior.

Eu substituo todas as minhas crenças que são obstáculos na minha vida, por outras que me ajudarão a viver melhor.

Eu experiencio uma alta, pura e rápida vibração, livre de obstáculos da resistência.

Permito que a energia essencial flua através de mim, de maneira pura e amorosa.

Nada é mais importante do que eu me sentir bem e feliz.

Vou começar todos os meus dias meditando, me alinhando com o universo e com a fonte de energia essencial.

Vou procurar oportunidades para usufruir as coisas boas que me cercam, de modo a concentrar-me sempre na energia essencial.

Eu tenho o emprego e trabalho ideais.

Eu tenho tudo o que desejo para minha vida.

Eu tenho todo o dinheiro que posso imaginar.

Eu abro a porta do meu direito divino e todas as coisas que desejo vão fluir para mim, naturalmente.

Eu só dou atenção ao que me faz sentir bem.

Eu posso escolher a realidade que estou criando.

Eu sou um ser radiante, primoroso e amososo.

O mundo está sempre a meu favor.
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

É tempo de conquistar!

Não se preocupe em parecer tolo ou tola com o uso da fé.

Muitas provas na vida de muitos heróis da fé pareciam tão tolas.

Mas, na verdade, eram do exato cumprimento do que eles poderiam oferecer.

Ninguém em sã consciência vai pedir para um enfermeiro fazer a cirurgia.
Nem mandar o aspirante a piloto fazer uma viagem sozinho no Boeing.

Por isso, a sua tarefa, a sua dificuldade é sob medida para a sua capacidade.

Lógico que isso não impede do enfermeiro fazer medicina e especializar-se.

Nem tampouco, o piloto em treinamento tirar o brevê e tornar-se comandante.

Mas, agora, nesse exato instante, a sua prova, que por vezes você acredita ser maior
que você, na verdade é exatamente o que você precisa passar e pode superar.

Veja que eu não falei em "suportar".

Muita gente "esperta" em seus discursos bonitinhos fala em suportar as provas.

Eu acredito mesmo é na SUPERAÇÃO.

Assim, se a bola veio quadrada, você pode chutar que ela vai arredondar um dia.

Se todo dia você recebe um limão azedo da vida, junte-os.
Logo mais darão uma saborosa limonada.

O que não dá para fazer é ficar num canto, triste, sentindo-se a
"pipoquinha esquecida" e abandonada no chão do cinema.
Porque isso só leva ao esmagamento da "pipoquinha".

O olhar para a frente, ainda que embaçado pelas lágrimas, traz um conforto,
um alívio para a alma e uma direção.

Vai, levanta e arruma um bom sonho para sonhar.

Enquanto isso, prepare as malas para uma grande viagem.
Viagem rumo ao seu "eu" que grita por mudanças.

Chega de pensar pequeno, de sofrer por antecipação.

É tempo de sentir-se capaz. Tempo de valorização.
É o seu tempo.

Hoje, agora e não dá para esperar.
Nem pode desanimar.
Pode muito mais, se aprender a se amar.

É tempo de conquistar!

Paulo Roberto Gaefke
 Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Cuide mais e melhor da pessoa mais importante desse mundo que é você!

Mantenha a sua mente jovem, aberta, alerta, fresca... Ou você é daquelas pessoas que encara tudo com uma certa reserva e com um pouco de negatividade?

Sua fonte da juventude é a sua própria consciência, viu? Por isso, não tenha medo de envelhecer. E a melhor receita para se viver assim é viver intensamente o momento presente! Sempre, tá?

Elimine todos os pensamentos de velhice! Elimine todas aquelas atitudes que fazem você envelhecer! Sabe do que estou falando? Da angústia, da solidão, da tristeza, da raiva, da avareza.... Sim, elimine tudo isso de sua vida agora, enquanto você é jovem por fora ou por dentro!

Reformule seus pensamentos e conceitos a respeito da idade, da vida! Cuide mais e melhor da pessoa mais importante desse mundo que é você!

Tome algumas atitudes próprias da juventude como: rir bastante, não se preocupar com a falta de dinheiro, passear todo o tempo, divertir-se com tudo e com todos, fazer novas amizades sempre, vestir-se como jovem, não ter problemas imaginários, fazer exercício físico, ter uma alimentação saudável, não levar tudo a ferro e fogo...

Talvez você conheça alguma pessoa de mais idade que viva intensamente como jovem, certo? E talvez conheça também pessoas que com pouca idade, vivam como se fosse bem mais velhas. Mire-se no exemplo dessas pessoas e prefira ser mocinho!


"Não leve a vida tão a sério. Ela não é permanente!"

Luis Carlos Mazzini
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Os Pensamentos de Hoje

Somos as únicas criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos!
Nossas células estão constantemente bisbilhotando nossos pensamentos e sendo modificados por eles.

Um surto de depressão pode arrasar seu sistema imunológico; apaixonar-se, ao contrario, pode fortificá-lo tremendamente.
A alegria e a realização nos mantém saudáveis e prolongam a vida. A recordação de uma situação estressante, que não passa de um fio de pensamento, libera o mesmo fluxo de hormônios destrutivos que o estresse propriamente dito!
Suas células estão constantemente processando as experiências e metabolizando-as de acordo com seus pontos de vista pessoais. Não se pode simplesmente captar dados brutos e carimbá-los com um julgamento. Você se transforma na interpretação quando a internaliza. Quem esta deprimido por causa da perda de um emprego projeta tristeza por toda parte no corpo - a produção de neuro-transmissores por parte do cérebro reduz-se, o nível de hormônios baixa, o ciclo de sono é interrompido, os receptores neuropeptiídicos na superfície externa das células da pele tornam-se distorcidos, as plaquetas sanguíneas ficam mais viscosas e mais propensas a formar grumos e até suas lágrimas contêm traços químicos diferentes das lágrimas de alegria.

Todo este perfil bioquímico será drasticamente alterado quando a pessoa encontra uma nova posição. Isto reforça a grande necessidade de usar nossa consciência para criar os corpos que realmente desejamos. A ansiedade por causa de um exame acaba passando, assim como a depressão por causa de um emprego perdido. O processo de envelhecimento, contudo, tem que ser combatido a cada dia! Shakespeare não estava sendo metafórico quando Próspero disse: "Nós somos feitos da mesma matéria dos sonhos."
Você quer saber como esta seu corpo hoje?
Lembre de seus pensamentos de ontem.
Quer saber como estará seu corpo amanhã?
Olhe seus pensamentos hoje!
Ou você abre seu coração, ou algum cardiologista o fará por você!

Deepak Chopra
 Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Você ganhou a vida de presente!

O mundo pode ser transformado bem aí dentro do seu coração! Tudo pode acontecer dentro de você! Porque você tem o poder de fazer a sua vida melhor. Você tem o poder de fazer um mundo melhor.

Continue dando a sua parcela de contribuição em silêncio e no anonimato. Pela humanidade! Por você mesmo!

Pare de olhar para o próprio umbigo e liberte-se de tudo aquilo que não deixa você crescer e caminhar para frente. Liberte-se das velhas noções e dos velhos conceitos de medo, de escassêz.... O mundo é maravilhoso, farto... E todo seu!

Você ganhou a vida de presente! E merece ser feliz, viu? Cuide-se bem! Fique esperto! Deseje as mudanças!

Fique atendo à sua maneira de pensar, de agir e de viver. Mude, viu? Mude para melhor! E aproveite a jornada! A sua jornada! Aproveite a viagem! A sua viagem!

Sorria mais! Seja mais amigo! E aproveite as pequenas coisas da vida. Não são elas que dão mais valor ao seu viver?

Vamos! Cure-se! Levante-se! Erga-se! Dê a você novas oportunidades, novas chances!


“Fale e viva a sua verdade”

Luis Carlos Mazzini
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

A HUMILDADE

Humildade é a virtude que nos torna abertos a aprender e mudar. Ela só é possível quando temos auto-respeito, que só pode vir com autoconhecimento. Conhecer-se é entender que somos parte de um todo, como um raio de uma roda. Não somos tudo, também não somos nada. É a humildade que cria este entendimento e nos mantêm em equilíbrio.
Quando não somos apegados às nossas boas qualidades nem às nossas fraquezas, podemos lidar com ambas. Através de cultivo amoroso, nossas qualidades positivas crescem e servem outros. Através da atenção e honestidade, nossas fraquezas diminuem.

Humildade é nossa maior proteção. Ela nos mantém alerta para todas as possibilidades, desde sermos enganados até a de criarmos os mais surpreendentes milagres. Humildade é o fruto do auto-respeito: uma pessoa humilde nunca teme perder. Para isso precisamos sempre ir para dentro de nós mesmos. Nada e ninguém podem nos tirar esse recurso.

Humildade nasce da segurança interna, nos deixa prontos a comunicar, cooperar com novos pensamentos e idéias. É a prova da maestria de ter conquistado o “eu” e “meu” limitados que anulam o respeito e a amizade. Nós devemos ser tutores, não donos. A posse automaticamente cria o medo de perder. Ser um tutor nos dá entendimento que nada e ninguém é nosso. Paradoxalmente, ao renunciar tudo, recebemos tudo. O que precisarmos virá até nós, mais cedo ou mais tarde. Há o suficiente para todos.

A atitude de ser um tutor significa que economizamos uma grande quantidade de energia mental e emocional, uma vez que tempo não é desperdiçado em cálculos egoístas ou manipulações espertas. Com a atitude de ser um tutor nos tornamos mestres. Um mestre trabalha com os princípios eternos do universo. Ele é humilde e auto-suficiente, mantém equilíbrio e harmonia.

A maior humildade de todas é reconhecer e aceitar que existem leis além daquelas dos seres humanos e que não somos o padrão do universo. Os princípios eternos protegem e governam o bem-estar de todas as formas de vida. Quando nos alinhamos com as verdades eternas, encontramos a liberdade, nosso caminho. Alinhamento às leis divinas não nos limita ou anula. Ao contrário, as leis eternas são o meio que permitem a expressão completa do indivíduo. Não há transgressão, uma vez que respeito é sempre dado à individualidade dos outros. A harmonia é mantida.

Com humildade reconhecemos o direito que todas as coisas têm de existir; existir em liberdade e existir em felicidade. Este direito inato é uma lei imortal. Subserviência nos relacionamentos ou aos objetos materiais é resultado do medo; medo de sermos nós mesmos; a falta de coragem de enfrentar, de mudar, de mover numa outra direção. Auto-respeito nos libera do medo e da dependência. Quando não pensamos profundamente o suficiente por nós mesmos, nos tornamos subservientes às opiniões sociais e às pessoas com as quais interagimos.

Humildade traz introspecção, começamos a examinar as emoções que nos limitam. Abre a porta para o autoconhecimento. À medida que crescemos em autoconhecimento, crescemos em auto-estima. Com essa estabilidade interior não há medo do que é diferente. Não há desejo de controlar pessoas ou situações. Sabemos que as coisas certas irão acontecer da forma correta, no tempo certo. Humildade é a outra face do auto-respeito. Quanto maior a humildade, maior o auto-respeito. Nada e ninguém são uma ameaça. Nós somos livres.

Brahma Kumaris
 Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

PORQUE OS AMORES SE PERDEM

O mais difícil de entender quando os amores acabam, são os porquês. Porque duas pessoas que se encontraram e se encantaram, viveram um amor que parecia indestrutível, se separam?

Por quê o amor geralmente acaba de um lado só e é o outro que fica chorando e querendo entender as razões? Costumo comparar casais a chave e fechadura. Nem toda chave abre todas as portas e é necessário encontrar aquela exata que vai se encaixar perfeitamente e tudo será possível.

Amores deveriam ser eternos, mas nem sempre são.

Mas a gente acredita que cada vez que alguém toca nosso coração e entra, que é definitivo. Um casal que se apaixona de início, sem que um tenha tido o tempo de desnudar o outro nas suas verdades, acredita nessa chama e até briga por ela muitas vezes.

E cria-se sonhos, planeja-se o futuro… Enquanto isso os dias vão passando, toma-se menos cuidado em manter a magia e a parte dos dois que é mais sonhadora começa a sentir-se incomodada. Dá medo. Medo de ter que olhar bem nos olhos da realidade e dizer: acabou!

Medo de ter que se confessar a si próprio que ainda não foi aquela vez! Medo da solidão, de ter que recomeçar… Não são as decepções que matam o amor. Se assim fosse, não existiriam perdões e reconciliações. O que mata o amor é simplesmente a tomada de consciência de que o outro não é o ser sonhado. É como acordar depois de um longo sono e lindos sonhos. O outro está ali, é a mesma pessoa, mas aquela neblina que dava a impressão de irrealidade já não mais existe. E isso não acontece da noite para o dia, como se costuma pensar.

É algo que vem com os dias, os hábitos, as monotonias. Um percebe, o outro não. Um começa a se sentir angustiado e o outro continua acreditando ou finge que acredita. E quando a gota que faz transbordar o vaso chega é o mundo todo que desmorona. Porém, tudo não fica definitivamente perdido. Sobra de um lado a dor, e os porquês, um resto de amor que teima em ficar no fundo como o vinho envelhecido na garrafa e do outro o coração dividido por não poder reparar erros cometidos e a vontade de continuar em busca de outros horizontes. Sobra para os dois a ternura e a lembrança dos momentos passados juntos.

Por que corta-se relacionamentos, mas não se apaga momentos, mesmo que a gente queira. Vivido é vivido, feliz ou infelizmente. Inútil é querer resgatar um amor que resolveu partir pra outras direções. Quanto mais apega-se, mais ele se afasta. E quanto mais se afasta, mais dói no outro a incompreensão. É uma roda da qual é difícil de sair. E é uma pena, pois os corações não merecem isso.

Quando a questão é amor, não existe justo ou injusto. Existe o que ama, e o que não ama mais. Precisamos aceitar que o outro não tenha os mesmos sentimentos, mesmo se isso nos faz mal, por que se o amor não for livre para se instalar onde realmente deseja, ele perde toda a razão de ser.

Letícia Thompson
 Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Há muito tempo ainda para você amar e ser amado!

Amar ou ser amado? O que você prefere? Como tem sido isso pra você? O que é mais importante?

Se é um grande privilégio saber amar o mesmo se pode dizer que é um grande privilégio ser amado! Certo? Que bênção o equilíbrio! Escolha para a sua vida as duas alternativas. Elas se completam. Mas o ideal mesmo será sempre amar sem sufocar, sem aprisionar, sem esperar nada em troca, sem exigir, sem cobrar..... Simplesmente ame!

E o que falar de ser amado? Talvez a melhor definição seja: ser amado sem se sentir aprisionado, cobrado, exigido, sufocado, reprimido. Simplesmente permita-se ser amado!

Responda pra você mesmo estas 4 perguntas porque talvez possa entender um pouco mais do seu momento:
O que é mais importante: amar sem ser amado ou ser amado sem amar?
Tem sido muito difícil falar para as pessoas que vivem ao seu lado o quanto você as ama?
Você está tendo dificuldade de amar as pessoas do jeito que elas são?
As pessoas estão conseguindo amar você do jeito que você é?

O que mais separa as pessoas não é a distância, nem o tempo! É a indiferença! Nunca mais permita que o medo ou a vergonha possam ser mais poderosos do que a sua vontade de dizer "eu te amo" para quem quer que seja, tá?

Pode se expor sim, viu? Pode se abrir! Não há nenhum desprestígio e nenhuma fragilidade nisso. Pelo contrário: há força, há nobreza! Comece devagarinho, aos poucos e comece a perceber que não é tão dolorido assim dizer o que o seu coração grita!

Pare de se comover com os acontecimentos distantes e tenha mais coragem para dizer as suas verdades de amor para quem está próximo de você! Pare de colocar barreira entre o seu coração e o coração dessas pessoas.

Ame agora, enquanto você pode, enquanto há tempo.

Nada acontece por acaso. Você não é nenhum acaso e não veio a esse mundo, nesse tempo por um simples detalhe do destino ou do acaso. Você tem uma história, um propósito, uma missão. Há tempo ainda para você amar e ser amado!


"Você foi feito para amar e ser amado"

Luis Carlos Mazzini
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

A Última Pedra

 Existem pessoas que não prestam atenção no que fazem e depois passam a vida inteira arrependidas pelo que não fizeram, mas poderiam ter feito, e se martirizam por seus erros.

Gosto de uma música que Frank Sinatra costumava cantar, My way. O curioso é que só fui prestar atenção na letra dessa canção quando escrevia este texto. Ela diz mais ou menos assim: “Se eu acertei ou se errei, fiz isso da minha maneira”.

Quando olho para trás, percebo que fiz muitas bobagens. Acertei bastante, mas também errei bastante. Quando olho para diante, tenho certeza de que vou acertar e errar bastante também. É impossível acertar sempre. Mas o importante é que não gastemos nosso tempo nem nossa energia nos torturando. A autocrítica pelo que não deu certo, além de ser nociva para a saúde, faz que a gente perca os passarinhos que a vida nos oferece no presente.

Um dia destes, um dos meus filhos me perguntou por que eu tomei determinada decisão estúpida tempos atrás. Respondi que me arrependia do que tinha feito, mas expliquei que, naquele momento, minha atitude me parecia lógica. Se eu tivesse o conhecimento e a maturidade de hoje, certamente a decisão seria diferente.

Por isso é que lhe digo: não se torture por algo que não deu certo no passado.

Talvez você tenha escolhido a pessoa errada para casar.

Talvez tenha saído da melhor empresa onde poderia trabalhar.

Talvez tenha mandado uma filha grávida embora de casa.

Não importa o que você fez, não se torture.

Apenas perceba o que é possível fazer para consertar essa situação e faça.

Se você sente culpa, perdoe-se.

E, principalmente, compreenda que agiu assim porque, na ocasião, era o que achava melhor fazer.

Há uma história de que gosto muito: um pescador chegou à praia de madrugada para o trabalho e encontrou um saquinho cheio de pedras. Ainda no escuro começou a jogar as pedras no mar. Enquanto fazia isso, o dia foi clareando até que, ao se preparar para jogar a última pedra, percebeu que era preciosa!

Ficou arrependido e comentou o incidente com um amigo que lhe disse:

– Realmente, seria melhor se você prestasse mais atenção no que faz, mas ainda bem que sobrou a última pedra!

Existem pessoas que não prestam atenção no que fazem e depois passam a vida inteira arrependidas pelo que não fizeram, mas poderiam ter feito, e se martirizam por seus erros. Se você está agindo assim, deixo-lhe uma mensagem especial: não gaste seu tempo com remorsos nem arrependimentos. Reconheça o erro que cometeu, peça desculpas e continue sua vida.

Você ainda tem muitas pedras preciosas no coração: muitos momentos lindos para viver e muitos erros para cometer.

Aproveite as oportunidades e curta plenamente a vida.

Roberto Shinyashiki
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Afinal, para que precisamos de auto-estima?


Auto-estima é viver de bem com a própria vida ao dedicar importância a você mesmo. Apesar de ser um valor que o indivíduo agrega a si próprio, o tema requer, inicialmente, análise de como e em que nível outras pessoas têm influenciado a sua felicidade, já que muitas vezes esse “poder de terceiros” pode ser negativo e até opressivo. Posteriormente, é preciso avaliar a importância de seus sentimentos e a forma como você os julga, afinal conscientizar-se deles é um passo decisivo para poder determinar, com propriedade, seu senso crítico e de valorização.

Ela resulta da soma de dois aspectos inter-relacionados - a noção da eficiência pessoal (auto-eficiência) e a de valor pessoal (auto-respeito) – que, integrados, produzem uma qualidade de vida plenamente realizável. A auto-eficiência significa confiança no funcionamento de nossa mente, na capacidade de pensarmos, nos processos por meio dos quais refletimos, compreendemos, escolhemos e decidimos com segurança. O auto-respeito, por sua vez, significa certeza de nossos valores; uma atitude afirmativa diante de nosso direito de ser feliz; a sensação de conforto ao reafirmar de maneira apropriada os nossos pensamentos, vontades e necessidades.

Afinal, para que precisamos de auto-estima?

Ela fortalece, energiza, motiva e inspira a pessoa a buscar resultados, proporcionando prazer e satisfação decorrentes de realizações e conquistas. Observe que hoje, mais do que nunca, tal necessidade psicológica também se tornou uma necessidade econômica, um requisito para a adaptação em um mundo cada vez mais complexo, desafiador e competitivo.

Quando positiva, a auto-estima funciona como se fosse o sistema imunológico da consciência, fornecendo resistência, força e capacidade de regeneração. Ao contrário, quando esta é negativa, a resistência diante da vida e de suas adversidades diminui. Neste caso, o sujeito se vê em pedaços frente a obstáculos e frustrações que poderia superar, caso tivesse uma percepção mais clara dele mesmo.

Imagem e Auto-Estima

Muitas pessoas necessitam sentir-se aceitas pelas outras pessoas para se sentirem valorizadas. Note, neste caso, que o poder exercido pela imagem é crucial para a auto-estima, pois é através dela que o sujeito se faz aceitável ou não ao olhar dos demais. Esta necessidade de aprovação é tão grande que mesmo que não haja ninguém presente para ver o que você está fazendo, “os outros” continuam a influenciá-lo, uma vez que a imagem que você tem de si mesmo reflete a apreciação alheia, fazendo-o sentir-se valorizado por fazer aquilo que, normalmente, seria aprovado pelos outros. Este tipo de situação tende a elevar sua auto-estima, porém ela cairá repentinamente, se você não obter aprovação e reconhecimento dos demais.

Auto-estima & Relacionamentos Saudáveis

Quanto mais alta for a auto-estima, mais aberta, honesta e adequada será nossa comunicação, porque acreditamos e valorizamos nossas opiniões. A clareza aqui é apreciada, não temida. Entretanto, quanto mais baixa for a auto-estima, mais nebulosa, evasiva e imprópria será a comunicação, devido à incerteza quanto aos próprios pensamentos e sentimentos e à ansiedade diante da reação do outro.

Quem tem auto-estima elevada está mais predisposto a estabelecer relacionamentos saudáveis que o alimente, não que o intoxique. O fato é que o semelhante atrai o semelhante. Sua vitalidade e expansividade naturalmente atraem pessoas com boa auto-estima. Da mesma forma, a baixa auto-estima busca a baixa auto-estima nos outros – de uma forma involuntária, inconsciente.

Por isto, quanto mais saudável for a nossa auto-estima, mais nos respeitaremos e mais propensos seremos a tratar os outros, da mesma forma, com respeito, benevolência e boa vontade– uma vez que não tendemos a percebê-los como ameaça. Enfim, a auto-estima elevada é a base para a felicidade pessoal.

As 10 dicas para elevar a AUTO-ESTIMA

1º Harmonize seu lar
Abra portas e janelas e comece uma limpeza. Inicie pelo guarda-roupa e armários, tire tudo e só guarde o que for realmente preciso.

2º Coma bem
Respeite os momentos das refeições. Preste atenção no que está fazendo. Evite falar sobre problemas enquanto se alimenta.

3º Preste atenção em você
Perceba os seus pensamentos. Ao longo do dia você tem milhares deles - negativos e positivos. Apesar de você não ser os seus pensamentos, eles têm uma enorme força sobre a sua vida. Se você tem mais pensamentos negativos, isto demonstra que é uma pessoa negativa, que sua vida vai mal e as pessoas e situações que você atrai também estão na mesma freqüência de negatividade. Você pode mudar a sua vida, mudando a qualidade de seus pensamentos.

4º Tenha objetivos
Tenha objetivos materiais e espirituais. Busque sempre melhorar a sua condição financeira, planeje comprar bens, faça investimentos, realize viagens e busque tudo que tiver vontade, mas lembre-se: nunca dependa dessas conquistas para viver emocionalmente bem.

5º Faça exercícios
Escolha um exercício que lhe agrade - caminhar, dançar e nadar são os mais recomendados. Os exercícios estimulam o fluxo de energia vital, gerando além de um melhor condicionamento físico, uma ótima sensação de bem-estar.

6º Utilize seus talentos
Você tem dons e talentos. Descubra quais são eles e comece a colocá-los em prática.

7º Medite, medite e medite
A meditação é a medicina do corpo e da mente mais poderosa do mundo. Além de terapêutica é a melhor ferramenta para o crescimento pessoal e espiritual. Aprendendo a meditar, você descobre a diferença do que é ou não importante para sua vida e com isto se torna uma pessoa mais segura e objetiva.

8º Aceite a vida
Pare já de reclamar. Volte sua mente para o que a vida oferece de bom. Aceite viver nesse planeta azul e curta a viagem da melhor maneira possível. Lembre-se que ela tem fim, então faça bom proveito.

9º Visite a natureza
Coloque essa meta em sua vida. Pelo menos uma vez por mês, faça uma visita à mãe natureza. Ela tem o poder de purificar as células e acalmar o espírito.

10º Converse com Deus
Os gregos espiritualistas evitavam dizer o nome de Deus, pois achavam seu vocabulário muito limitado para expressar a grandeza Dele. Então todas as vezes que tinham que falar sobre Deus usavam a expressão o TODO. Aprenda estar em sintonia com o TODO, que está ao redor e, principalmente, dentro do seu coração. A melhor forma? Fica a seu critério, o importante é desejar que isso aconteça.

O mais importante desse processo é você reconhecer que - se precisar de ajuda e tiver coragem de pedi-la - um psicólogo é a pessoa mais capacitada para auxiliá-lo nessa busca.

Katia Horpaczky é Psicóloga Clinica e Organizacional, Psicoterapeuta Sexual, Familia e Casal, Especialista em Workshops Vivenciais e Jogos Organizacionais, Arte-Terapeuta, Practitioner em N.L.P. pelo Southern Institute of N.L.P. e pela Society of Neuro Linguistic Programming. Treinada com a metodologia de OUT DOOR TRAINING pela Dinsmore.
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

A Vida é Cíclica

O mundo moderno nos convida à correria e, em função disso, não temos tempo de observar a natureza, nossa grande mestra. Quem olha o mar e percebe as marés, as ondas e os ventos pode verificar como tudo tem seu ciclo.

O dia e a noite, as estações do ano, o sol e a chuva, a vida e a morte. O ser humano, com sua sede de poder, procura imobilizar a vida e torná-la certinha, rígida como uma estátua. Mas a vida é dinâmica. Hoje você está bem, amanhã pode não estar...

A vida flui como as ondas do mar e, como um surfista, você precisa aprender a aproveitar suas subidas e descidas, mergulhar e retornar à tona, manter-se na superfície de acordo com o movimento da água.

Quando você resolve eliminar de sua vida o fluxo das ondas e permanecer apenas como observador passivo, você está anulando a sua força vital!... Afinal, a vida é uma interminável aventura. E a sabedoria está em saber surfar nas ondas da vida.

Roberto Shinyashiki
 Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

CERTOS MOMENTOS DIFÍCEIS

Algo que sempre acontece, é atravessarmos por certos momentos difíceis, que podem nos fazer pensar que esgotamos todos os recursos que poderíamos ter para conseguir chegar a nossos objetivos. Olhamos para trás, vemos todo o caminho percorrido, e pensamos que nossas forças se esgotaram, que não vai mais dar para continuar, pois os obstáculos que ainda teremos pela frente, parecem-nos gigantescos, simplesmente intransponíveis. Vem aquela vontade de entregar os pontos, pois estamos no nada, e a nada chegaremos.
Lamentar o tempo perdido e chorar parece-nos a única solução. Será mesmo o fim de tudo?
Tais pensamentos tanto podem ocorrer a jovens como a idosos, pois são momentos que parece terem sido feitos para nos testar. Pode ser o fim de tudo, ou o início de um algo bom. Depende de nossa capacidade de reação, de nossa maneira de encarar a vida e, principalmente, de nosso amor pela vida.
Se a esse ponto chegamos, se não mais sentimos condições de prosseguir, parece evidente que devemos tomar uma outra direção, procurar outro caminho, já que este está bloqueado. Pra que malhar em ferro frio? Se chegarmos a esse ponto, é sinal de que algo deve ser feito para reverter a situação, e com urgência. O que não podemos fazer, é sentar e ver a banda passar pura e simplesmente. O trem da vida apenas faz uma rápida parada na estação, e segue viagem.
Não podemos esperar que outros construam por nós. Temos que ir à luta, e traçar nosso caminho. Temos que tratar de planejar as coisas e faze-las, pois somos responsáveis por nossos sonhos e por sua realização, e não podemos apenas esperar que alguém realize o que queremos. Precisamos buscar forças, e fazer a nossa parte nesse sentido. Afinal, é nossa vida que está em jogo, é o nosso futuro, e se quisermos chegar a algum lugar, temos que traçar nosso caminho.
Claro que muitas vezes nos sentimos fragilizados, e nos faz falta um “colinho amigo”.
Temos que ter consciência de nossas fraquezas, o que é inerente ao ser humano. Não somos infalíveis, e nem “todo poderosos”. Mas também não somos totalmente dependentes de ajuda alheia. Temos sempre que fazer a nossa parte, e procurar faze-la bem feita, como algo capaz de justificar nossa passagem por este mundo.
Ao chegarmos em tais encruzilhadas, temos sempre que pensar em recomeço. E se tivermos que mudar tudo em nossa vida, por que não faze-lo? Se o caminho está bloqueado, se as portas se fecharam, é melhor procurar um outro rumo. Temos mesmo que recomeçar a vida.
Após uma queda, é “levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima”.
L’Inconnu tem uma citação linda para este momento.
"Se alguém te feriu, cure-se! Se te derrubaram, levante-se! Se te odeiam, ame!
Erga-se! Erga a cabeça! Olhando pra baixo só podemos ver os próprios pés. É preciso olhar pra frente."
É preciso saber interpretar bem estas palavras, pois é importante sempre conseguir tratar de seus ferimentos, e saber se recuperar de eventuais quedas. E, principalmente, saber não retribuir sentimentos negativos e mesquinhos como ódio, raiva, inveja. Com amor no coração, e com vontade de viver, podemos superar tudo isso. Se nos deixarmos dominar por sentimento de vingança contra aqueles que nos fizeram mal, toda a negatividade desse sentimento poderá transformar-se numa enorme bola de neve, que poderá acabar nos sufocando, juntamente com outros.
Sempre será melhor responder com atitudes positivas, e até mesmo com um silêncio, pois alimentar polemicas jamais levará a lugar algum. Podemos tomar uma sábia atitude defensiva, como prevenção contra tais ataques, sem contudo, o sentimento de revide. Sem empregar a Lei de Talião. Violência sempre gerará revides violentos. E a coisa pode ir longe.
Quem sempre procura fazer mal aos outros, mais cedo ou mais tarde terá que pagar sua conta. Atitudes positivas produzem melhores efeitos do que reações negativas.
É preciso saber aproveitar nossos erros para não repeti-los. É preciso saber descobrir o lado positivo de todas as coisas que nos acontecem. E para começar vamos positivamente ter UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Olhe os seus erros com ternura e com compaixão!

Jogue fora tudo aquilo que você não precisa mais! Jogue fora as mágoas, as ofensas, as lembranças tristes.

Nunca mais deixe que tudo isso sufoque o seu peito e tire o brilho de sua vida! Nunca mais permita que o que aconteceu ontem com você, contamine e mate o que está vivendo hoje!

Quanto aos seus erros e fracassos, olhe-os com ternura e com compaixão. Tudo o que você fez, foi o melhor naquele momento. É claro que faria diferente se fosse hoje, mas a decisão naquele instante era a melhor opção que você tinha. Seja benevolente consigo mesmo.

A gratidão gera gratidão, viu? E o inverso também é verdadeiro: lamúria atrai lamúria! Portanto, fique atento aos seus pensamentos e atitudes. Pois é o sentimento de gratidão que faz você sentir paz de espírito e paz consigo mesmo. A gratidão faz com que você se olhe no espelho e diga: "que bom que esse daí sou eu: com qualidades e defeitos, com acertos e erros. E também com muitas realizações na vida"

Somente o sentimento de gratidão tem esse poder de fazer você conversar com a sua alma no espelho.

Transforme o orgulho em gratidão, viu? Tenha coragem de fazer uma faxina na sua alma. Limpe o que já passou. Perdoe quem tem que perdoar. Deixe o passado onde tem que ficar: lá atrás! Cure-se! Faça tudo para ser feliz!

Ouça muito mais a sua alma e cale a boca de sua personalidade tagarela e implicante. Viva com mais amor.


"Perdoar é o modo mais sublime de crescer. Pedir perdão é o modo mais sublime de se levantar"

Luis Carlos Mazzini
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

21 dicas para ser feliz

1. Afirme somente se tiver certeza; acredite somente se lhe derem fatos; gaste somente se souber de onde tirar os fundos; coma somente se tiver fome; durma somente se tiver sono e, em caso de dúvida, fique na sua e siga seu próprio nariz.

2. Abrace muito, beije mais ainda e ria, já que a vida é de graça.

3. Peça.Sempre haverá alguém que lhe dará o que você está precisando.

4. Despeça-se do que já passou - quem vive de passado é museu.

5. Pare de se preocupar. Suas desgraças nunca serão do tamanho que você pensa. Nem seus êxitos.

6. Perdoe-se por suas burrices e fracassos. Se você não se perdoar, vai ser inútil pedir desculpas ou dizer "sinto muito" a quem quer que seja.

7. Ore para agradecer, nunca para pedir. Você já recebeu mais do que suficiente para crescer e ser feliz.

8. Não perca tempo em discussões inúteis. Ao invés de brigar, cante uma canção, tome um banho frio ou vá dar uma volta de bicicleta no parque.

9. Desista de fazer a cabeça dos outros - o que eles pensam de você não é da sua conta. Seja Livre!

10. Cuide de si mesmo como se estivesse cuidando do seu melhor amigo.

11. Expresse a sua individualidade. Transe a sua sexualidade. Apóie-se em seus talentos e virtudes. Concentre-se em seus objetivos. Pare de fumar, e faça ginástica três vezes por semana,no mínimo. Mude algo em si mesmo todos os dias. Abra-se com alguém.

12. Faça alguma coisa que sempre desejou fazer, que pode fazer, mas que tinha vergonha.

13. Cometa erros novos.

14. Simplifique sua vida.

15. Deixe bagunçado.

16. Pare de frescura.

17. Acredite no amor; nada no mundo é mais digno de crédito. Ame - não é vexame nenhum.

18. Nunca pense que o amor é uma "água morna" - onde há amor, há respeito pelas diferenças; onde as diferenças são aceitas, existem pontos de vista contrários; e onde existem pontos de vista contrários, há conflitos e desentendimentos.

19. Não se intrometa na vida dos outros, nem julgue as pessoas de jeito nenhum. Deixe-as ser como são e curta o melhor de cada uma.

20. Grandes amizades não se perdem em pequenas disputas. Se se perderem, é porque não eram nem amizades, muito menos grandes.

21. Leia o que está escrito, ouça o que é dito e, se não compreender, pergunte. Não tenha vergonha de perguntar o que não sabe. É assim que se aprende.
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

domingo, 26 de agosto de 2012

As três peneiras de Sócrates

Um rapaz procurou Sócrates e disse-lhe que precisava contar-lhe algo sobre alguém.
Sócrates ergueu os olhos do livro que estava lendo e perguntou:
– O que você vai me contar já passou pelas três peneiras?
– Três peneiras? – indagou o rapaz.
– Sim ! A primeira peneira é a VERDADE. O que você quer me contar dos outros é um fato? Caso tenha ouvido falar, a coisa deve morrer aqui mesmo. Suponhamos que seja verdade. Deve, então, passar pela segunda peneira: a BONDADE. O que você vai contar é uma coisa boa? Ajuda a construir ou destruir o caminho, a fama do próximo? Se o que você quer contar é verdade e é coisa boa, deverá passar ainda pela terceira peneira: a NECESSIDADE. Convém contar? Resolve alguma coisa? Ajuda a comunidade? Pode melhorar o planeta?
Arremata Sócrates:
– Se passou pelas três peneiras, conte !!! Tanto eu, como você e seu irmão iremos nos beneficiar.
Caso contrário, esqueça e enterre tudo. Será uma fofoca a menos para envenenar o ambiente e fomentar a discórdia entre irmãos, colegas do planeta.

Nós devemos ser sempre a estação terminal de qualquer comentário infeliz! Da próxima vez que ouvir algo, antes de ceder ao impulso de passá-lo adiante, submeta-o ao crivo das três peneiras porque:

Pessoas sábias falam sobre ideias; Pessoas comuns falam sobre coisas; Pessoas medíocres falam sobre pessoas.
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Encerrando um ciclo

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final.
Se insistirmos em permanecer nela mais que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos – não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedido do trabalho? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu.
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó.
Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus filhos, seus amigos, sua irmã, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardio, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar. As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora.
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem. Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração – e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixa ir embora. Soltar. Desprender-se. Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.
Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não tem data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa – NADA É INSUBSTITUÍVEL, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.
Gloria Hurtado
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

MSG: Fofoca

Uma mulher espalhou uma fofoca sobre uma vizinha. Alguns dias depois, o bairro inteiro sabia da história. A moça que foi alvo da fofoca ficou muito magoada e ofendida. Mais tarde, a mulher que espalhou o boato descobriu que era tudo mentira. Ficou muito arrependida e foi visitar um velho sábio para descobrir o que podia fazer para consertar o estrago.
- Vá até a praça do mercado – disse ele – compre uma galinha e mande matar. Depois, no caminho de casa, depene a galinha e solte as penas uma por uma pela rua.
Embora surpresa com o conselho, a mulher fez o que ele tinha pedido.
No dia seguinte, o sábio disse:
-Agora vá, recolha todas as penas que deixou cair ontem e traga para mim.
A mulher seguiu o mesmo caminho, mas, para seu desespero, o vento tinha dispensado todas as penas. Depois de procurar por horas, ela voltou com apenas três penas na mão.
- Está vendo – disse o velho sábio – é fácil soltá-las, mas é impossível recolhê-las. Com a fofoca também é assim. Não custa muito espalhar um boato, mas, depois que se espalhou, nunca se pode reverter o dano completamente."
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Luz na escuridão

Um dia, um menino de 3 anos estava na oficina do pai, vendo-o fazer arreios e selas. Quando crescesse, queria ser igual ao pai. Tentando imitá-lo, tomou um instrumento pontudo e começou a bater numa tira de couro. O instrumento escapou da pequena mão, atingindo-lhe o olho esquerdo.

Logo mais, uma infecção atingiu o olho direito e o menino ficou totalmente cego.

Com o passar do tempo, embora se esforçasse para se lembrar, as imagens foram gradualmente desaparecendo e ele não se lembrava mais das cores. Aprendeu a ajudar o pai na oficina, trazendo ferramentas e peças de couro.

Ia para a escola e todos se admiravam da sua memória. De verdade, ele não estava feliz com seus estudos. Queria ler livros. Escrever cartas, como os seus colegas. Um dia, ouviu falar de uma escola para cegos.

Aos dez anos, Louis chegou a Paris, levado pelo pai e se matriculou no instituto nacional para crianças cegas. Ali havia livros com letras grandes em relevo. Os estudantes sentiam, pelo tato, as formas das letras e aprendiam as palavras e frases. Logo o jovem Louis descobriu que era um método limitado. As letras eram muito grandes. Uma história curta enchia muitas páginas. O processo de leitura era muito demorado. A impressão de tais volumes era muito cara. Em pouco tempo o menino tinha lido tudo que havia na biblioteca.

Queria mais. Como adorava música, tornou-se estudante de piano e violoncelo. O amor à música aguçou seu desejo pela leitura. Queria ler também notas musicais.

Passava noites acordado, pensando em como resolver o problema. Ouviu falar de um capitão do exército que tinha desenvolvido um método para ler mensagens no escuro. A escrita noturna consistia em conjuntos de pontos e traços em relevo no papel. Os soldados podiam, correndo os dedos sobre os códigos, ler sem precisar de luz.

Ora, se os soldados podiam, os cegos também podiam, pensou o garoto. Procurou o capitão Barbier que lhe mostrou como funcionava o método. Fez uma série de furinhos numa folha de papel, com um furador muito semelhante ao que cegara o pequeno.

Noite após noite e dia após dia, Louis trabalhou no sistema de Barbier, fazendo adaptações e aperfeiçoando-o. Suportou muita resistência. Os donos do instituto tinham gasto uma fortuna na impressão dos livros com as letras em relevo. Não queriam que tudo fosse por água abaixo.

Com persistência, Louis Braille foi mostrando seu método. Os meninos do instituto se interessavam. À noite, às escondidas, iam ao seu quarto, para aprender. Finalmente, aos 20 anos de idade, Louis chegou a um alfabeto legível com combinações variadas de um a seis pontos.

O método Braille estava pronto. O sistema permitia também ler e escrever música. A ideia acabou por encontrar aceitação. Semanas antes de morrer, no leito do hospital, Louis disse a um amigo: "Tenho certeza de que minha missão na Terra terminou."

Dois dias depois de completar 43 anos, Louis Braille faleceu. Nos anos seguintes à sua morte, o método se espalhou por vários países.

Finalmente, foi aceito como o método oficial de leitura e escrita para aqueles que não enxergam. Assim, os livros puderam fazer parte da vida dos cegos. Tudo graças a um menino imerso em trevas, que dedicou sua vida a fazer luz para enriquecer a sua e a vida de todos os que se encontram privados da visão física.

Há quem use suas limitações como desculpa para não agir nem produzir. No entanto, como tudo deve nos trazer aprendizado, a sabedoria está, justamente, em superar as piores condições e realizar o melhor para si e para os outros.
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Meu nome é felicidade

Faço parte da vida daqueles que tem amigos, pois ter amigos é ser Feliz.
Faço parte da vida daqueles que vivem cercados por pessoas como você, pois viver assim é ser Feliz!
Faço parte da vida daqueles que acreditam que ontem é passado, amanhã é futuro e hoje é uma dádiva, por isso chamado presente.
Faço parte da vida daqueles que acreditam na força do Amor, que acreditam que para uma história bonita não há ponto final.
Eu sou casado(a) sabia?
Sou casado(a) com o Tempo. Ah! A minha Esposa é linda! Ela é responsável pela resolução de todos os problemas. Ela reconstrói corações, ele cura machucados, ele vence a Tristeza...
Juntos, eu e o Tempo tivemos três filhos: A Amizade, a Sabedoria, e o Amor.
A Amizade é a filha mais velha. Uma menina linda, sincera, alegre. A Amizade brilha como o sol. A Amizade une pessoas, pretende nunca ferir, sempre consolar.
A do meio é a Sabedoria, culta, íntegra, sempre foi mais apegada a mãe, o Tempo. A Sabedoria e o Tempo andam sempre juntos!
O caçula é o Amor. Ah! como esse me dá trabalho! É teimoso, às vezes só quer morar em um lugar... Eu vivo dizendo: Amor, você foi feito para morar em dois corações, não em apenas um. O Amor é complexo, mas é lindo, muito lindo! Quando ele começa a fazer estragos eu chamo logo a mãe dele, o Tempo, e aí o Tempo sai fechando todas as feridas que o Amor abriu!
Uma pessoa muito importante me ensinou uma coisa: Tudo no final sempre dá certo, se ainda não deu, é porque não chegou o final.
Por isso, acredite sempre na minha família. Acredite no Tempo, na Amizade, na Sabedoria e, principalmente no Amor.
Aí, com certeza um dia, eu, a Felicidade, baterei à sua porta !!!
Tenha Tempo para os Sonhos: eles conduzem sua carruagem para as Estrelas.
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

A parábola da rosa

Certa vez, um homem plantou uma roseira e passou a regá-la constantemente.

Assim que ela soltou seu primeiro botão que em breve desabrocharia, o homem notou espinhos sobre o talo e pensou consigo mesmo: “como pode uma flor tão bela vir de uma planta rodeada de espinhos?”

Entristecido com o fato, ele se recusou a regar a roseira e, antes mesmo de estar pronta para desabrochar a rosa morreu.

Isso acontece com muitos de nós com relação à nossa semeadura.

Plantamos um sonho e, quando surgem as primeiras dificuldades, abandonamos a lavoura.

Fazemos planos de felicidade, desejamos colher flores perfumadas e, quando percebemos os desafios que se apresentam, logo desistimos e o nosso sonho não se realiza.

Os espinhos são exatamente os desafios que se apresentam para que possamos superá-los.

Se encontramos pedras no caminho é para que aprendamos a retirá-las e, dessa forma, nossos músculos se tornem mais fortes.

Não há como chegar ao topo da montanha sem passar pelos obstáculos naturais da caminhada. E o mérito está justamente na superação desses obstáculos.

O que geralmente ocorre é que não prestamos muita atenção na forma de realizar nossos objetivos e, por isso, desistimos com facilidade e até justificamos o fracasso lançando a culpa em alguém ou em alguma coisa.

O importante é que tenhamos sempre em mente que se desejamos colher flores, temos que preparar o solo, selecionar cuidadosamente as sementes, plantá-las, regá-las sistematicamente e, só depois, colher.

Se esperamos colher antes do tempo necessário, então a decepção surgirá.

Se temos um projeto de felicidade, é preciso investir nele. E considerar também a possibilidade de mudanças na estratégia.

Se, por exemplo, desejamos um emprego estável, duradouro, e não estamos conseguindo, talvez tenhamos que rever a nossa competência e nossa disposição de aprender.

Não adianta jogar a culpa nos governantes nem na sociedade, é preciso, antes de tudo, fazer uma avaliação das nossas possibilidades pessoais.

Se desejamos uma relação afetiva duradoura, estável, tranqüila, e não conseguimos, talvez seja preciso analisar ou reavaliar nossa forma de amar.

Quando os espinhos de uma relação aparecem, é hora de pensar numa estratégia diferente, ao invés de culpar homens e mulheres ou a agitação da vida moderna, ou simplesmente deixar a rosa do afeto morrer de sede.

Há pessoas que, como o homem que deixou a roseira morrer, deixam seus sonhos agonizarem por falta de cuidados ou diminuem o seu tamanho. Vão se contentando com pouco na esperança de sofrer menos.

Mas o ideal é estabelecer um objetivo e investir esforços para concretizá-lo.

Se no percurso aparecer alguns espinhos, é que estamos sendo desafiados a superar, e jamais a desistir.


Quem deseja aspirar o perfume das rosas, terá que aprender a lidar com os espinhos.

Quem quer trilhar por estradas limpas, terá que se curvar para retirar as pedras e outros obstáculos que surjam pela frente.

Quem pretende saborear a doçura do mel, precisa superar eventuais ferroadas das fabricantes, as abelhas.

Por tudo isso, não deixe que nenhum obstáculo impeça a sua marcha para a conquista de dias melhores.
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

sábado, 25 de agosto de 2012

O monge mordido

Um monge e seus discípulos iam por uma estrada e, quando passavam por uma ponte, viram um escorpião sendo arrastado pelas águas. O monge correu pela margem do rio, meteu-se na água e tomou o bichinho na mão. Quando o trazia para fora do rio o escorpião o picou. Devido à dor, o monge deixou-o cair novamente no rio. Foi então à margem, pegou um ramo de árvore, voltou outra vez a correr pela margem, entrou no rio, resgatou o escorpião e o salvou. Em seguida, juntou-se aos seus discípulos na estrada. Eles haviam assistido à cena e o receberam perplexos e penalizados.
— Mestre, o Senhor deve estar muito doente! Por que foi salvar esse bicho ruim e venenoso? Que se afogasse! Seria um a menos! Veja como ele respondeu à sua ajuda: picou a mão que o salvava! Não merecia sua compaixão!
O monge ouviu tranqüilamente os comentários e respondeu: — Ele agiu conforme sua natureza e eu de acordo com a minha.

Este conto nos faz refletir a forma de melhor compreender e aceitar as pessoas com que nos relacionamos. Não podemos e nem temos o direito de mudar o outro, mas podemos melhorar nossas próprias reações e atitudes, sabendo que cada um dá o que tem e o que pode. Devemos fazer a nossa parte com muito amor e compaixão ao próximo. Cada qual conforme sua natureza, e não conforme a do outro.

Conto budista
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

O que você é: cenoura, ovo ou café ?

Uma filha queixou-se da vida ao seu pai, sobre como as coisas estavam tão difíceis para ela. Ela já não sabia mais o que fazer e queria desistir. Estava cansada de lutar e combater. Parecia que um problema se resolvia para outro surgir.

Seu pai, um chef, levou-a até a cozinha. Encheu três panelas com água e colocou cada uma delas em fogo alto. Numa das panelas ele colocou cenouras, noutra colocou ovos e, na última, pó de café. Deixou que tudo fervesse, sem dizer uma palavra.

A filha deu um suspiro e esperou impacientemente, imaginando o que ele estaria fazendo.

Cerca de vinte minutos depois o chef apagou o gás. Pescou as cenouras e as colocou em uma tigela. Retirou os ovos e os colocou noutra tigela. Então pegou o café com uma concha e o colocou numa caneca. Virando-se para a filha, perguntou:

- Querida, o que você está vendo?

- Cenouras, ovos e café - ela respondeu - Mas, o que isto significa, pai?

- Todos esses alimentos enfrentaram a mesma adversidade: a água fervendo.

Contudo, cada um reagiu de modo diferente. A cenoura entrou forte, firme e inflexível, mas, depois de ter sido submetida à água fervendo, amoleceu e ficou frágil.

Os ovos entraram frágeis, mas, depois de terem sido fervidos na água, ficaram interiormente rijos e duros.

O pó de café, contudo, é incomparável: depois de ter sido colocado na água fervente, mudou a si e a água.

Ele perguntou à filha:

- Qual deles é você, minha querida?

Quando a adversidade bate à sua porta como você responde?

Você é como a cenoura que parece forte, mas com a dor e a adversidade você murcha, torna-se frágil e perde sua força?

Ou será você como o ovo, que começa com um coração maleável, mas que depois de alguma perda ou decepção se torna mais duro, apesar de a casca parecer a mesma?

Ou será que você é como o pó de café, capaz de transformar a adversidade em algo melhor ainda do que ele próprio?


- Somos nós os responsáveis pelas próprias decisões. Cabe a nós, somente a nós, decidir se a suposta crise irá ou não afetar nosso rendimento profissional, nossos relacionamentos pessoais, nossa vida, enfim.

Ao ouvir outras pessoas reclamando da situação, ofereça uma palavra encorajadora. Confie que você tem capacidade e tenacidade suficientes para superar os desafios que te impõem.

"Uma vida não tem importância se não for capaz de impactar outras vidas".

Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Receita para melhorar o seu viver


Em primeiro lugar, antes de se levantar alongue-se bem,
se estique bastante até sentir o quanto você é
maior que você mesmo.

Abra a janela e diga: "Bom dia, dia!
O dia irá te receber muito melhor
e será muito mais fácil enfrentá-lo.

Se você encontrar, no decorrer do dia,
com pessoas indelicadas,
perversas e que subestimam a sua
inteligência não dê tanta importância.
Elas podem não perceber o que fazem,
mas você com certeza estará atento a tudo de ruim
que ameace azedar seu dia.

O problema que tiver, enfrente-o.
Não fique dando voltas, fingindo que ele não existe.
Se ele acontece, é para ser resolvido.
Se for grande demais, vá resolvendo parte por parte
até que ele fique bem menor.

Dê atenção especial a todos que são gentis com você,
e com certeza receberá gentileza também.
Só não se esqueça que nem todos os dias
são bons para todos.

Dê à sua paciência, à sua compreensão
e ao seu raciocínio
todo fôlego que eles precisam.

Pense duas vezes se tiver que engolir algum "sapo".
Lembre-se, ele pode ser indigesto demais.

E, mesmo que hoje o seu dia seja bastante atarefado,
não se esqueça de deixar alguém feliz,
mandando um oi a quem você quer bem.
Talvez amanhã o seu dia seja muito mais ocupado que hoje.
Desejo que você tenha um "lindo dia".



Richard Bach
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

O que você pode fazer para mudar o mundo?

Comece mudando a si mesmo. Ninguém muda o mundo se não consegue mudar a si mesmo ...

Cuide da Saúde do Planeta. Não desperdice água, não jogue lixo no lugar errado, não maltrate os animais ou desmate as árvores. Por mais que você não queira, se nascemos no mesmo planeta, compartilhamos com ele os mesmos efeitos e conseqüências de sua exploração ...

Seja responsável: não culpe os outros pelos seus problemas, não seja oportunista, não seja vingativo. Quem tem um pouquinho de bom senso percebe que podemos viver em harmonia, respeitando direitos e deveres ...

Acredite em um mundo melhor. Coragem, Honestidade, Sinceridade, Fé, Esperança são virtudes gratuitas que dependem de seu esforço e comprometimento com sua Honra e Caráter. Não espere recompensas por estas virtudes, tenha-as por consciência de seu papel neste processo ...

Tenha Humildade, faça o Bem, trabalhe. Não tenha medo de errar, com humildade se aprende, fazer o bem atrairá o bem para você mesmo e trabalhando valorizarás o suor de teu esforço para alcançar seus objetivos ...

Busque a Verdade, a Perfeição, uma posição realista frente aos obstáculos, uma atitude positiva diante da vida...

Defenda, participe, integre-se à luta pacífica pela Justiça, Paz e Amor. Um mundo justo é pacífico, e onde há paz pode-se estar preparado para viver um grande Amor ...

(Rodrigo Bentes Diniz)
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Os três últimos desejos

Conta a lenda que, à beira da morte, Alexandre (O Grande) convocou todos os seus generais e relatou seus três últimos desejos:
1º- Que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época;
2º- Que fosse espalhado no caminho até seu túmulo os seus tesouros conquistados (prata, ouro, pedras preciosas…);
3º- Que suas duas mãos fossem deixadas balançando no ar, fora do caixão, à vista de todos.
Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos, perguntou a Alexandre quais as razões. Alexandre explicou:
1º- Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão para mostrar que eles NÃO têm poder de cura perante a morte;
2º- Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que as pessoas possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;
3º- Quero que minhas mãos balancem ao vento para que as pessoas possam ver que de mãos vazias viemos e de mãos vazias partimos.
Pense nisso…
E que você continue buscando realizar seus sonhos, mas que se lembre de viver intensamente e de usufruir de seus sentimentos e emoções, pois embora as coisas materiais sejam importantes para nós, elas ficam. Já os sentimentos e as emoções nascem conosco e nos acompanharão nas vidas futuras. Esta é a nossa verdadeira propriedade: o que trouxemos quando aqui chegamos e o que levaremos quando daqui partirmos.
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Oito Bons Presentes Que Não Custam um Centavo


O PRESENTE ESCUTAR... Mas você deve realmente escutar. Sem interrupção, sem distração, sem planejar sua resposta. Apenas escutar.

O PRESENTE AFEIÇÃO... Seja generoso com abraços, beijos, tapinhas nas costas e aperto de mãos. Deixe estas pequenas ações demonstrarem o amor que você tem por família e amigos.

O PRESENTE SORRISO.... Junte alguns desenhos. Compartilhe artigos e histórias engraçadas. Seu presente será dizer, "Eu adoro rir com você."

O PRESENTE BILHETINHO... Pode ser um simples bilhete de "Muito obrigado por sua ajuda" ou um soneto completo. Um breve bilhete escrito à mão pode ser lembrado pelo resto da vida, e pode mesmo mudar uma vida.

O PRESENTE ELOGIO... Um simples e sincero, "Você ficou muito bem de vermelho", "Você fez um super trabalho" ou "Que comida maravilhosa" faz o dia de alguém.

O PRESENTE FAVOR... Todo dia, faça algo amável.

O PRESENTE SOLIDÃO... Tem momentos em que nós não queremos nada mais do que ficar sozinhos. Seja sensível à esses momentos e dê o presente da solidão ao outro.

O PRESENTE DISPOSIÇÃO... A maneira mais fácil de sentir-se bem é colocar-se à disposição de alguém, e isso não é difícil de ser feito
Meus amigos(as) a todos uma otima Noite de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Caminho de luz

Por vezes nossos pensamentos
se enchem de lamentos...
não temos onde nos apoiar,
não sabemos a quem apelar...
Nesses momentos desanimadores,
não sabemos quem vai curar nossas dores...
Pensamos estar abandonados,
à nossa própria sorte jogados...
Porém, sempre aparece uma mão forte,
que modifica nossa sorte...
Que nos dá as forças necessárias,
para tudo suportar...
É a força do amor,
é a força da fé,
que nos pode tirar a dor...
é essa a luz que nos guiará,
e nosso caminho iluminará...
não nos deixando desanimar,
nem a tristeza nos dominar...

Marcial Salaverry
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Os 10 mandamentos do otimismo

 1- Hoje é o dia mais importante de sua vida. Não o sobrecarregue com lembranças dolorosas do ontem, nem com temores covardes do amanhã. Viva o dia de hoje com entusiasmo e harmonia.
2- Construa você mesmo sua vida. Não permita que opiniões e erros alheios o conduzam ao fracasso.
3- Irradie amor, carinho e simpatia. Não guarde seus tesouros espirituais, pois, quanto mais alegria e amor espalhares, mais feliz será.
4- Não espere pelos outros. Tua grande fonte de energia está em ti mesmo, se souberes utilizá-la verás quanto já és próspero e forte.
5- Seja pontual, sincero e exigente consigo mesmo. Quem não disciplina, desperdiça tesouros de energia física e mental, acabando por destruir-se, lembre-se que o tempo deve ser usado com sabedoria.
6- Cuide de teu corpo e de tua mente, conservando ambos sadios. Como os males de um se refletirão no outro, os dois merecem, por igual, teu cuidado. Alimente sua mente, com pensamentos positivos e saudáveis para que seja refletido em teu corpo.
7- Tenha paciência. Jamais duvide da continuidade da vida e de que a vitória pertence aos que sabem esperar o momento certo para agir. Não tenha pressa, tudo tem seu tempo.
8- Fuja da extravagancia e do desperdício. Os dois são próprios dos desequilibrados – e o equilíbrio na vida é um bem inestimável.
9- Faça diariamente uma avaliação de tua vida. Veja o que realmente deve dar importância, se não estás desperdiçando seu tempo com coisas inúteis como preconceitos e ressentimentos, pois tudo gira em torno da paz e harmonia.
10- Ao tomar uma decisão consciente e livre, jamais te afaste dela. Seja seguro em suas decisões. Saber querer é a base para vencer.  Com otimismo tudo se resolve!
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

O amor que acende a lua.

As grandes transformações acontecem quando passamos pelo fogo.
Quem não passa pelo fogo, fica do mesmo jeito a vida inteira.
São pessoas de uma mesmice e uma dureza assombrosa.
Só que elas não percebem e acham que seu jeito de ser é o melhor jeito de ser.
Mas, de repente, vem o fogo.

O fogo é quando a vida nos lança numa situação que nunca imaginamos: a dor.
Pode ser fogo de fora: perder um amor, perder um filho, o pai, a mãe, perder o emprego ou ficar pobre.
Pode ser fogo de dentro: pânico, medo, ansiedade, depressão ou sofrimento, cujas causas ignoramos.

Há sempre o recurso do remédio: apagar o fogo!

Sem fogo, o sofrimento diminui.
Com isso, a possibilidade da grande transformação também.
Imagino que a pobre pipoca, fechada dentro da
panela, lá dentro cada vez mais quente, pensa que sua hora chegou: vai morrer.

Dentro de sua casca dura, fechada em si mesma, ela não pode imaginar um destino diferente para si.
Não pode imaginar a transformação que está sendo preparada para ela.
A pipoca não imagina aquilo de que ela é capaz.
Aí, sem aviso prévio, pelo poder do fogo a grande transformação acontece: BUM!
E ela aparece como uma outra coisa completamente diferente, algo que ela mesma nunca havia sonhado.

Bom, mas ainda temos o piruá, que é o milho de pipoca que se recusa a estourar.
São como aquelas pessoas que, por mais que o fogo esquente, se recusam a mudar.
Elas acham que não pode existir coisa mais maravilhosa do que o jeito delas serem.
A presunção e o medo são a dura casca do milho que não estoura.

No entanto, o destino delas é triste, já que ficarão duras a vida inteira.
Não vão se transformar na flor branca, macia, nutritiva e, o que é ainda pior, não vão dar alegria para alguém.

Extraído do livro: O amor que acende a lua, de Rubem Alves.
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Renato Russo - Entrevista Rara - Cidade Mágica - PARTE 1


Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Renato Russo entrevista rara/ cidade mágica PARTE 2


Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

A verdade sobre Romeu e Julieta

Sabem porque Romeu e Julieta são ícones do amor? São falados e lembrados, atravessaram os séculos incólumes no tempo, se instalando no mundo de hoje como casal modelo de amor eterno?
Porque morreram e não tiveram tempo de passar pelas adversidades que os relacionamentos estão sujeitos pela vida afora. Senão provavelmente Romeu estaria hoje com a Manoela e Julieta com o Ricardão.
Romeu nunca traiu a Julieta numa balada com uma loira linda e siliconada motivado pelo impulso do álcool.
Julieta nunca ficou 5 horas seguidas esperando Romeu ,fumando um cigarro atrás do outro, ligando incessantemente para o celular dele que estava desligado.
Romeu não disse para Julieta que a amava, que ela especial e depois sumiu por semanas. Julieta não teve a oportunidade de mostrar para ele o quanto ficava insuportável na TPM.
Romeu não saia sexta feira a noite para jogar futebol com os amigos e só voltava as 6:00 da manhã bêbado e com um sutiã perdido no meio da jaqueta (que não era da Julieta). Julieta não teve filhos, engordou, ficou cheia de estrias e celulite e histérica com muita coisa para fazer.
Romeu não disse para Julieta que precisava de um tempo, que estava confuso, querendo na verdade curtir a vida e que ainda era muito novo para se envolver definitivamente com alguém. Julieta não tinha um ex-namorado em quem ela sempre pensava ficando por horas distante, deixando Romeu com a pulga atrás da orelha.
Romeu nunca deixou de mandar flores para Julieta no dia dos namorados alegando estar sem dinheiro. Julieta nunca tomou um porre fenomenal e num momento de descontrole bateu na cara do Romeu no meio de um bar lotado.
Romeu nunca duvidou da virgindade da Julieta. Julieta nunca ficou com o melhor amigo de Romeu.
Romeu nunca foi numa despedida de solteiro com os amigos num prostíbulo.
Julieta nunca teve uma crise de ciúme achando que Romeu estava dando mole para uma amiga dela.
Romeu nunca disse para Julieta que na verdade só queria sexo e não um relacionamento sério, ela deve ter confundido as coisas. Julieta nunca cortou dois dedos de cabelo e depois teve uma crise porque Romeu não percebeu a mudança.
Romeu não tinha uma ex- mulher que infernizava a vida da Julieta.
Julieta nunca disse que estava com dor de cabeça e virou para o lado e dormiu.
Romeu nunca chegou para buscar a Julieta com uma camisa xadrez horrível de manga curta e um sapato para lá de ultrapassado, deixando- a sem saber onde enfiar a cara de vergonha...
Por essas e por outras que eles morreram se amando...

Francine Bittencourt de Oliveira
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Eu adoro voar

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me deem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesmo(a), mas com certeza não serei o mesmo(a) pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

E um dia você aprende que...

Depois de algum tempo você aprende a sutil diferença
entre segurar uma mão e acorrentar uma alma,

E você aprende que amar não significa apoiar-se
e companhia não quer sempre dizer segurança,

E você começa a aprender que beijos não são contratos
e presentes não são promessas.

E você começa a aceitar suas derrotas
com sua cabeça erguida e seus olhos adiante,
com a graça de adulto,  não a tristeza de uma criança,

E você aprende a construir todas as estradas hoje
porque o terreno de amanhã é demasiado incerto para planos,
e  futuro tem costume de cair em meio do vôo.
E depois de um tempo você aprende
que até mesmo a luz do sol queima se você ficar exposto por muito tempo.
Então você planta seu próprio jardim e enfeita sua própria alma,
ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.
E você aprende que você realmente pode resistir...
que você realmente é forte e que você realmente tem valor
E você aprende e aprende...
com cada adeus, você aprende.

Veronica A. Shoffstall
Meus amigos(as) a todos uma otima  tarde  de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

Solte a panela


Certa vez, um urso faminto perambulava pela floresta em busca de alimento.
A época era de escassez, porém, seu faro aguçado sentiu o cheiro de comida e o conduziu a um acampamento de caçadores.
Ao chegar lá, o urso, percebendo que o acampamento estava vazio, foi até a fogueira, ardendo em brasas, e dela tirou um panelão de comida.
Quando a tina já estava fora da fogueira, o urso a abraçou com toda sua força e enfiou a cabeça dentro dela, devorando tudo.
Enquanto abraçava a panela, começou a perceber algo lhe atingindo.
Na verdade, era o calor da tina…
Ele estava sendo queimado nas patas, no peito e por onde mais a panela encostava.
O urso nunca havia experimentado aquela sensação e, então, interpretou as queimaduras pelo seu corpo como uma coisa que queria lhe tirar a comida.
Começou a urrar muito alto. E, quanto mais alto rugia, mais apertava a panela quente contra seu imenso corpo.
Quanto mais a tina quente lhe queimava, mais ele apertava contra o seu Corpo e mais alto ainda rugia.
Quando os caçadores chegaram ao acampamento, encontraram o urso recostado a uma árvore próxima à fogueira, segurando a tina de comida.
O urso tinha tantas queimaduras que o fizeram grudar na panela e, seu imenso corpo, mesmo morto, ainda mantinha a expressão de estar rugindo.
Quando terminei de ouvir esta história de um mestre, percebi que, em nossa vida, por muitas vezes, abraçamos certas coisas que julgamos ser importantes.
Algumas delas nos fazem gemer de dor, nos queimam por fora e por dentro, e mesmo assim, ainda as julgamos importantes.
Temos medo de abandoná-las e esse medo nos coloca numa situação de sofrimento, de desespero.
Apertamos essas coisas contra nossos corações e terminamos derrotados por algo que tanto protegemos, acreditamos e defendemos.
Para que tudo dê certo em sua vida, é necessário reconhecer, em certos momentos, que nem sempre o que parece salvação vai lhe dar condições de prosseguir.
Tenha a coragem e a visão que o urso não teve.
Tire de seu caminho tudo aquilo que faz seu coração arder.

Solte a panela !!!!!!
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Software para a vida

Alo, é do Setor de "Atendimento ao Cliente"....

Atendente: Bom dia Senhor(a). Em que lhe posso ser útil ?


Cliente: Comprei o seu programa AMOR, mas até agora não consegui instalar. Eu não sou técnico(a) no assunto, mas acho que posso instalar com a sua ajuda. O que eu devo fazer primeiro?

Atendente: O primeiro passo é abrir o seu CORAÇÃO. O senhor(a)encontrou seu CORAÇÃO?

Cliente: Sim, encontrei. Mas há diversos programas funcionando agora. Tem algum problema em instalar o AMOR enquanto outros programas estão funcionando?


Atendente: Que programas estão funcionando, senhor(a)?

Cliente: Deixe-me ver... Eu tenho BAIXAESTIMA.EXE,
RESSENTIMENTO.COM, ODIO.EXE e RANCOR.EXE funcionando agora.


Atendente: Nenhum problema. O AMOR apagará automaticamente RANCOR.EXE de seu sistema operacional atual. Pode ficar em sua memória permanente, mas não vai causar problemas por muito tempo para outros programas. O AMOR vai reescrever BAIXAESTIMA.EXE em uma versão melhor, chamada AUTOESTIMA.EXE. Entretanto, o senhor(a) tem que desligar completamente o ODIO.EXE e RESSENTIMENTO.COM. Esses programas impedem que o AMOR seja instalado corretamente. O senhor(a) pode desligá-los?

Cliente: Eu não sei como desligá-los. Você pode me dizer como?


Atendente: Com prazer! Vá ao Menu e clique em PERDAO.EXE. Faça isso quantas vezes forem necessárias, até o ODIO.EXE e RESSENTIMENTO.COM serem apagados completamente.

Cliente: Ok! Terminei! O AMOR começou a instalar-se automaticamente. Isso é normal?

Atendente: Sim, é normal. O senhor(a) devera receber uma mensagem dizendo que reinstalará a vida de seu coração. O senhor(a) tem essa mensagem?


Cliente: Sim, eu tenho. Está completamente instalado?

Atendente: Sim. Mas lembre-se: o senhor(a) só tem o programa de modelo básico. O senhor(a) precisa começar a se conectar com outros CORAÇÕES a fim de obter melhoramentos.

Cliente: Oh!não! Eu já tenho uma mensagem de erro. Que devo fazer?

Atendente: O que diz a mensagem?

Cliente: Diz: "ERRO 412 - O PROGRAMA NÃO FUNCIONA EM COMPONENTES INTERNOS". O que isso significa?

Atendente: Não se preocupe, senhor(a). Este é um problema comum. Significa que o programa do AMOR está ajustado para funcionar em CORAÇÕES externos, mas ainda não está funcionando em seu CORAÇÃO. É uma daquelas complicadas coisas de programação, mas em termos não-técnicos, significa que o senhor(a) tem que "AMAR" sua própria máquina antes que possa amar outra.

Cliente: Então, o que devo fazer?

Atendente: O senhor(a) pode achar o diretório chamado "AUTO-ACEITACAO"?

Cliente: Sim, encontrei.

Atendente: Excelente! O senhor(a) está ficando ótimo(a) nisso!

Cliente: Obrigado(a)!

Atendente: De nada. Faça o seguinte: clique nos arquivos BONDADE.DOC, AUTOESTIMA.TXT, VALORIZE-SE.TXT, PERDAO.DOC e copie-os para o diretório "MEU CORAÇÃO". O sistema irá reescrever todos os arquivos em conflito e começará a consertar a programação defeituosa. Também o senhor(a) precisa apagar AUTOCRITICA.EXE de todos os diretórios e depois esvazie a sua lixeira para certificar-se de que nunca voltem.

Cliente: Consegui! Meu CORACAO está cheio de arquivos realmente puros! Eu tenho no meu monitor, agora, o SORRISO.MPG e está mostrando que PAZ.EXE, CONTENTAMENTO.COM e BONDADE.COM foram instalados automaticamente no meu CORACAO.


Atendente: Então, terminamos! O AMOR está instalado e funcionando, Ah! Mais uma coisa antes de eu ir.

Cliente: Sim?

Representante: O AMOR é um programa grátis. Faça o possível para distribuir uma cópia de seus vários modelos a quem o senhor(a) encontrar e, dessa forma, o senhor(a) receberá de volta dessas pessoas novos modelos verdadeiramente puros.
Cliente: Obrigado(a) pela sua ajuda!
Meus amigos(as) a todos um otimo Dia de muita Paz
Força Sempre
Abraços
Claudio Pacheco