sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Sorria... E Acalme Corpo e Mente


Precisamos praticar o sorriso, enquanto trabalhamos na cozinha, no nosso escritório, nos nossos afazeres cotidianos, no trânsito, em uma fila de espera, no supermercado... Desfrutar de uma simples xícara de chá, de uma música suave, da companhia de um amigo, ou simplesmente de poder andar de manhã, olhar o mar e o céu azul.

A princípio, você pode achar difícil sorrir e neste caso deve contemplar o porquê disto. Questionar porque acha que não merece sorrir, que amarguras e ressentimentos tem alimentado que lhe impedem de sorrir... Sorrir significa ser você mesmo, ser livre e aberto para amar e ser feliz.

Com um sorriso você relaxa centenas de músculos de seu rosto, relaxa seu sistema nervoso, e envia para o corpo a mensagem de que tudo está bem. Deste modo, este corpo lhe protege mais de doenças, pois se torna muito forte e mais saudável.

Através da arte de sorrir mais, você se descontrai, sente-se confortável com você, na vida, com as outras pessoas, e vai ficando livre das ansiedades, dos medos, da depressão e da tristeza. Aprende o que é estar firme, com responsabilidades na vida e ao mesmo tempo, leve, sereno, com leveza de espírito.

O sorriso é um bom treinamento para a mente relaxar, parar de se preocupar tanto e começar a viver o único momento que existe, o momento presente. Saborear o momento presente é a nosso maior aprendizado. Sorrindo, acalmando corpo e mente, vivendo a dádiva do momento presente, sentindo-se em paz e mais tranqüilo... Vale a pena investir nisto e desfrutar esta serenidade interior que vem junto do sorriso e do treinamento contínuo de estar no aqui e no agora.

Mesmo que sua vida esteja difícil, é preciso sorrir e ficar livre das amarguras e ressentimentos. Não podemos nos sintonizar apenas com a dor, não podemos deixar que ela nos domine. Somos mais que nossas dores. Precisamos nos sintonizar com o canal interno do sorriso, da aceitação, da gratidão. Compreender que tudo acontece para melhor e nos transformar.

Quando sentamos tranqüilamente, para respirar, para meditar, para sorrir, conscientemente, estamos sendo nós mesmos e temos poder sobre nós. Estas práticas nos ajudam a retornar a nós mesmos, a encontrar nosso eixo, nosso centro. Ficamos mais equilibrados, centrados, conscientes do que está acontecendo e deste modo, vamos deslizando para um estado interno de paz, sem uma mente tão turbulenta e inquieta.

Emilce Shrividya Starling
 Meus amigos(as) desejo a todos um ótimo Dia.
Muita Paz para todos.
Força Sempre
Claudio Pacheco

Nenhum comentário:

Postar um comentário