sábado, 28 de janeiro de 2012

Viva em paz

Não guarde rancor e viva em paz!
Na luta diária pela sobrevivência, às vezes somos feridos sem maldade. Mais que os ferimentos, ficamos magoados, sentindo latejar a dor da incompreensão. E isso nos provoca o rancor. Ele põe uma venda no coração e deixa cega a razão. Nos tornamos pessoas amargas, ásperas, insensíveis.
Mas, o sangue, que são as mágoas, estanca-se com o perdão e a ferida cicatriza-se com a reconciliação.
Sintonize-se com a sua consciência. Dome a intrepidez dos seus atos. Traz equilíbrio e paz entender-se bem com todos, e sobretudo consigo mesmo. Conscientize-se que onde há amor a rancorosidade não prospera.
À primeira treva de rancor acenda a luz do perdão.
Sua clareza vai curar a dor mais profunda, pois o perdão limpa o rancor da alma, assim como a água clara limpa o pó do nosso corpo!
Pequenas Lições de Sabedoria - Inácio Dantas
Meus amigos(as) desejo a todos uma ótima Tarde repleta de paz.
Abraços a todos
Claudio Pacheco

6 comentários:

  1. Palavras muito sábias, meu amigo. Gosto muito do que vc escreve. Parece que entra direto no coração da gente. Tens talento!
    Bjos,
    Taís
    amornosingular.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Taís fico feliz em saber que as msg fazem bem a vc.
      Bjos

      Excluir
  2. É precisamos nos tornamos pessoas melhores todos os dias. A vida é uma colcha de retalho.
    Perdão precisamos exercitar mais.
    Um abraço
    Regina Márcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Regina o caminho e este mesmo, a pratica leva a perfeição
      Bjos

      Excluir
  3. Pacheco
    não guardar rancor no coração é um bom começo para viver em paz!
    Uma ótima semana amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nestor desejo muita Paz para vc nessa semana q se inicia
      Um forte abraço
      Pacheco

      Excluir