sábado, 1 de outubro de 2011

O que Pensam de Mim?

Praticamente todos nós, em alguma fase de nossa vida, nos preocupamos com o quê as pessoas pensam a nosso respeito. Isso tem origem na forma em que fomos criados e na importância que é dada ao fato.
A maioria não sabe que julgar cria Karma.
A maioria se preocupa, portanto, com o quê os outros pensam acerca de suas atitudes.

É inegável, porém, que para muitos isso possa até ser um "freio" em determinados sentidos. Mas também é verdade que isso inibe qualquer nova atitude a nosso favor. Quanto mais inovadora for a pessoa, quanto mais criativa e espontânea, mais alvo de criticas ela se tornará.

Para os acomodados o NOVO incomoda.
Felizmente para mim, num dia, muitos anos atrás, conversando com Lair Ribeiro, lhe confessava meu desconforto com relação a uma determinada atitude que teria de tomar... E o que as pessoas estariam pensando sobre isso.

Ele me disse em alto e bom som:
Saul, sobre o que as pessoas pensam a seu respeito o problema é delas. Você é que deve se preocupar em saber o que pensa de si próprio.
Achei que tinha aprendido a lição...

Não, ainda não havia aprendido TODA a lição. Somente cinquenta por cento dela.
Tentava aplicar o que o Lair me disse sempre que a situação se repetia. Mas continuava refém do problema. Muito me incomodava este fato...

Alguns anos atrás, novamente me deparei com o assunto. Nesta fase já tinha conhecido meu mestre... numa conversa muito valiosa, ele me disse:
Saul, se continuar pensando assim você irá estragar a sua saúde. Não acho que você deva dar tanta importância ao que pensam a seu respeito. Principalmente estas pessoas.
Recomendo que você analise se quem está tecendo comentários a seu respeito, é bem-sucedido. E, para uma pessoa ser bem-sucedida, em primeiro vem o campo sentimental. Depois precisa ser bem sucedido profissionalmente e, por fim, financeiramente.
A pessoa em questão é bem-sucedida?
Não, respondi.
Então não desça ao nível dela...
Mas, quando você encontrar uma pessoa bem-sucedida, sente ao seu lado e preste atenção no que ela fala.


Depois disso cheguei à conclusão de que havia efetivamente aprendido os outros cinquenta por cento e que de fato não há razão para nos preocuparmos com o que os outros pensam de nós.
Em primeiro lugar, porque não se deve julgar ninguém; todos estão em processo terreno de aprendizado.
Segundo, porque quem julga o faz de acordo com seus valores.
Terceiro, porque julgar cria karma.

Fiquei muito mais LEVE depois de perceber que sei o que sei.

Sei que nos veremos, mais ao nosso gosto.
Beijo na alma,

Saul Brandalise Jr.
Meus amigos (as ) estejam  a vontade para posta seus poemas em meu blog.
E só deixa nos cometários q postarei com o maior prazer
E se ñ for de sua autoria coloque o nome do autor
Meus amigos(as) desejo a todos uma ótima  Noite  repleta de paz.
Abraços a todos
Claudio Pacheco

5 comentários:

  1. Querido anjo Cláudio. Amigo nunca parei para pensar o que estão pensando de mim, pois não interessa-me nem um pouco. Se estiverem falando do bem ótimo, mas se estiverem falando mal, paciência, por que isso vai de cada cabeça e eu sou ciente das minhas atitudes. Quando noto as da outra apenas observo e é só isso por que não tenho tempo para gastar com futilidades. Bem é assim que nada e penso que ganho muito e vou indo muito bem obrigada com a graça de Deus. A você um grande abraço e beijo terno. Kaoma

    ResponderExcluir
  2. Querida Koama e como dizia uns dos grandes poetas da musica Brasileira Fala de Renato Russo
    Não me digam como devo ser
    Gosto do jeito que sou
    Quem insiste em julgar os outros
    Sempre tem alguma coisa p'ra esconder
    Bjos
    Claudio Pacheco

    ResponderExcluir
  3. Claudio, quando somos mais novos, totalmente inexperientes e sem estrada pisada a gente pensa sim no que estão pensando acerca de nós, mas depois, com os anos vividos, tanto faz, pensem o que o quiserem, em muitas coisas coisas não vamos mudar mesmo!!!

    Logicamente que gostaríamos de sermos bem quistos por todos, porém nem Jesusu agradou a gregos e troianos, quem dirá nós.
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Só quando amadurecemos e percebemos o inevitável presente em todas as coisas, passamos a aceitar a vida e relaxar. Aí vem a melhor parte: de posse da realidade podemos curtir mais a vida pois sabemos em que terreno pisar e como pisar. E o que pensam sobre nós passa a ser sempre positivo...

    ResponderExcluir
  5. belissimo texto eu nunca
    pensei de mim depois de ter lido
    isso vou começar pensar em mim .
    um abraço.

    oi gente se vcs tem duvida sobre assunto
    jurídico dar uma olhada no site da minha mulher.
    www.analucianicolau.adv.br

    ResponderExcluir